Exercício físico para quem tem pressão alta

Hipertensos podem praticar exercícios físicos sem ter a saúde prejudicada?

A pressão alta ou hipertensão arterial é um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. É uma doença crônica caracterizada pelos níveis elevados da pressão sanguínea nas artérias.

De acordo com o último levantamento do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL) do Ministério da Saúde, 24,3% dos brasileiros sofreram com hipertensão arterial em 2017. Desta forma, a pressão alta faz com que o coração tenha que exercer um esforço maior do que o normal para fazer com que o sangue seja distribuído corretamente no corpo. 

Então, será que pessoas com pressão alta podem praticar exercícios físicos sem ter a saúde prejudicada?

Cada vez mais estudos apontam que o exercício físico é uma tática importante tanto para a prevenção quanto para o tratamento dessa enfermidade. No entanto, alguns exercícios físicos (praticados sem orientação profissional) podem contribuir com a pressão alta e é preciso ficar atento para evitar sufocos.

Exercícios aeróbicos e treinamento resistido

O exercício aeróbico tem sido o mais estudado pelos cientistas em casos de hipertensão, mas agora com a pandemia está difícil de fazer por questões de segurança. Eles estimulam o desenvolvimento dos vasos sanguíneos, consequentemente, há uma melhora na circulação e evita inflamação na artéria.

Nesse sentido, um estudo do Colégio Americano de Medicina Esportiva encontrou evidências de que os exercícios aeróbicos com treinamento resistido dinâmica (sozinhos ou combinados) reduzem a pressão arterial em pessoas que sofrem dessa enfermidade.

Semelhantemente, uma pesquisa do Jornal Europeu de Cardiologia Preventiva apontou que o treinamento resistido ou musculação moderado pode ajudar a diminuir a pressão arterial também.

Ou seja, a musculação e os exercícios aeróbicos se complementam e ajudam no desenvolvimento da potência cardiovascular. O que importa é a realização de uma série combinada de exercícios, definida por um profissional de educação física. Se eles forem realizados com disciplina, a pressão vai estabilizar. 

Cuidados!

Práticas muito intensas, principalmente se fazem a pessoa prender a respiração, devem ser evitadas. Também é importante aferir a pressão algumas vezes ao longo do treino para checar se está tudo bem. 

Se você é hipertenso e pretende iniciar a prática de exercícios físicos, não deixe de consultar o seu médico e procure um profissional de educação física qualificado para passar um treino especial para o seu caso!⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Gostou deste artigo? Me siga no Instagram e no Facebook ou entre em contato comigo pelo WhatsApp!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *