Dor após os exercícios físicos

O que significa sentir dor após os exercícios físicos?

A dor é um efeito natural resultante da prática dos exercícios físicos, sendo que normalmente significa que os músculos estão obtendo os benefícios do esforço realizado. No entanto, a falta dela também não significa que o treino não valeu a pena. Continue a leitura e descubra o que significa sentir dor após os exercícios físicos.

Primeiramente, a resposta é muito individual e depende do limiar da dor, que é o ponto em que a dor começa; e da tolerância à dor, que é a quantidade de tempo que cada um pode suportar.  

Desta forma, a dor pós-treino é resultado de micro inflamações musculares que surgem horas depois de um novo exercício ao qual a pessoa não está acostumada. Ela costuma aparecer entre 12h e 24h após o treino, mas o costume e a regularidade diminuem esses sintomas, assim como a alimentação adequada. 

Tipos de dor

De acordo com uma pesquisa publicada no jornal acadêmico Medicine & Science in Sports & Exercise, podem surgir dois tipos de dor após a prática de exercícios físicos: a imediata e após a sessão. 

No primeiro caso, há uma limitação do movimento, porque o músculo se encontra fadigado, através do acúmulo de lactato (ácido lático) nas fibras musculares. Logo, essa substância é metabolizada pelo exercício físico.

Já o segundo caso também é conhecido como Dor Muscular de Início Tardio (DMIT), que é a dor que pode se estender por mais alguns dias, mas logo passa ao deixar os músculos mais fortalecidos.

Tolerância à dor

Segundo um estudo da American Pain Society, o corpo de uma pessoa ativa vai criando tolerância e torna o incômodo menos frequente em ocasiões do dia a dia, e a esse fenômeno damos o nome de “Hipoalgesia induzida por exercício físico”.

Desta forma, os cientistas acreditam que a prática de exercícios físicos – acompanhados por um profissional de educação física – é uma ferramenta eficaz para reduzir a dor. Ou seja, alguns exercícios podem ser incluídos no tratamento multidisciplinar de doenças que apresentam dor crônica.

Cuidado com lesões

Uma dica da American College of Sports Medicine para se prevenir contra dores é avançar aos poucos no treino, oferecendo tempo para que o corpo se adapte e se recupere. Aliás, é fundamental exercitar-se com acompanhamento de um profissional de educação física que vai saber o limite do seu corpo.

Outra dica é fazer um aquecimento apropriado, com alongamento, além de não esquecer os exercícios de resfriamento após a finalização do treino. Além disso, certifique-se de tomar a quantidade suficiente de água para hidratar seu corpo, porque a desidratação aumenta as dores e cãibras musculares.

Por fim, é preciso ter um cuidado especial com a dor após o exercício físico, porque ela também pode indicar lesões. Nesse caso, é recomendado que o aluno procure atendimento médico.

Mais sobre exercícios físicos

Para mais informações, me siga no Instagram e no Facebook ou entre em contato comigo pelo WhatsApp para saber como posso te ajudar!  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *